Redes para nós é acolhimento, prosperidade e mais confiança no futuro

15/12/2022

2023 promete ainda mais impacto positivo, com 25 anos de CIEDS

Estamos nos aproximando de 2023, quando o CIEDS celebra seus 25 anos de história na construção de uma sociedade mais equitativa, democrática, sustentável e com mais oportunidades para todos. Cada vez mais, seguimos firmes em nossa missão de construir redes para a prosperidade de pessoas e de comunidades, gerando mais confiança no futuro. Nossa expectativa para o próximo ano é a de superar os resultados já bastante exitosos de 2022, ampliando nossa geração de impacto social positivo, por meio da construção e consolidação de parcerias estratégicas, com governos, empresas privadas, organizações de base comunitária e sociedade civil. 

Começo por destacar nossas ações internas, voltadas aos nossos colaboradores. No último ano, consolidamos um modelo de gestão próprio, o Prosperidade 360º, criado a partir das especificidades da nossa organização, da complexibilidade das temáticas com as quais atuamos e do nosso contexto em um mundo transformado pela pandemia, disruptivo e imprevisível, em que temos que estar atentos. Em destaque estão os Círculos de Gestão. Tratam-se de ambientes de diálogo e orientações estratégicas, que garantem integração e diversidade e que permitem uma tomada de decisão clara e integrada. Destaco ainda os GTs (Grupos de Trabalho), que constroem soluções a temas como diversidade, juventudes e democracia – este último se revelou extremamente importante em 2022, um ano eleitoral, mas segue sendo relevante também em 2023, para debatermos a construção e incidência de políticas públicas. 

Um dos GTs, o #EduqueSeuOlhar, foi criado em 2022 por acreditarmos que proteger crianças e adolescentes é papel de todos. Conduzimos ações internas e externas, com encontros frequentes com nossos colaboradores e conteúdos nas redes sociais, com o objetivo de romper violências cotidianas e provocar a responsabilização de todos na prevenção, na denúncia e no enfrentamento às violações de direitos de crianças, adolescentes e jovens. A iniciativa foi tão inovadora que venceu o Prêmio Ser Humano da ABRH (Associação Brasileira de Recursos Humanos) – fomos bicampeões, levando o prêmio na categoria Terceiro Setor pelo segundo ano consecutivo! 

Ainda em 2022, seguimos trabalhando orientados pelos ODSs (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU (Organização das Nações Unidas), para ajudar o mundo a construir um futuro melhor. Destaco aqui alguns fatos marcantes do ano, que reforçam nossa atuação nessa direção: 1) em uma parceria inédita com a SDG Action Campaign da ONU, fomos a organização do terceiro setor no Brasil responsável pela divulgação da campanha #FliptheScript; 2) fomos os responsáveis pela organização de oito mesas da Virada ODS em São Paulo; 3) fomos o parceiro técnico ESG do IBP (Instituto Brasileiro de Petróleo) na Rio Oil & Gas 2022

Também no âmbito do Voluntariado Empresarial, reforçamos nossa ação com empresas relevantes no meio, através da condução da Secretaria Executiva do CBVE (Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial), que já vai para o seu 7º ano, com destaque para a construção da primeira edição do Prêmio Aplaude 2022 – Ações Voluntárias que Transformam, que reconheceu organizações públicas, empresariais e comunitárias e comitês de voluntariados. 

Neste último ano, ainda reforçamos nossa atuação com as juventudes, público que tem nosso olhar desde nossos primeiros anos.  Além da participação em conselhos de juventudes, atuamos principalmente junto à área da cultura e do empreendedorismo, com projetos como o Aprendiz Cultural, o Criatividades, o PJMC (Programa Jovem Monitor Cultural), o Lab.Juv-Rio, o Chama na Solução e a Escola Maloca das Artes, no CCMB (Centro Cultural Maloca dos Brilhante), incidindo em políticas públicas e fortalecendo-as. As iniciativas permitiram que os jovens fizessem reflexões sobre equidade de gênero, diversidade e combate ao racismo em periferias do país. 

Também foi expressiva a nossa atuação com na área do empreendedorismo, com programas como o Tecendo o Amanhã, o Bioma, o Juventude Empreendedora, o Novo PROMAJ e o Coletivo Aprendiz – que em 2022 chegou a São Paulo e Teresópolis, uma enorme conquista para nós. Outro destaque foi o prêmio que recebemos na categoria "Realização Excepcional para um Parceiro de Implementação do LiveWIRE", com o Shell Iniciativa Jovem, programa de empreendedorismo da empresa no Brasil, executado pelo CIEDS desde 2010 – ou seja, uma parceria sólida, que já dura 12 anos, e que tivemos por seu impacto nos gerou esse grande reconhecimento. 

Também nos orgulhamos de estarmos na linha de frente da luta antimanicomial. Luta antiga e da qual estivemos à frente do encerramento dos dois últimos hospitais psiquiátricos de longa permanência do Rio de Janeiro, os Institutos Nise da Silveira, em 2021, e o Juliano Moreira, em 2022. Somos os responsáveis pela cogestão, ao lado da Prefeitura do Rio, de 93 SRT (Serviços de Residência Terapêutica), a maior rede do Brasil, referência no tratamento de pessoas com transtornos mentais, ao implementar uma metodologia pioneira e mais humana, com autonomia e dignidade. 

Tudo isso reforça que nossa atuação, em 2022, foi intensa e de muita geração de impacto positivo – tanto que fomos ainda reconhecidos internacionalmente como a 2ª melhor ONG do Brasil, pela 2ª vez consecutiva, e como a 53ª do mundo pelo thedotgood, prestigiada organização de mídia independente sediada em Genebra, na Suíça. 

Esse prêmio e todos os demais resultados só foram possíveis graças aos nossos colaboradores e aos parceiros que construíram conosco esses impactos até aqui. Ainda temos muitos desafios pela frente e precisamos de mais e mais pessoas conosco nessa caminhada. Em 2023, queremos ampliar essa rede que criamos há 25 anos. Se você é uma empresa ou uma organização social e quer construir mais impacto social, junte-se a nós. Mudando a realidade, somos agentes. 

Gente no plural é agente. E, para nós, redes é acolhimento, é gerar prosperidade e confiança no futuro para quem mais precisa. 

Texto por: Vandré Brilhante

Últimas notícias

  • Como construir seu planejamento e garantir que será cumprido?

    Leia o artigo da área de Planejamento, Gestão e Governança (PGG) do CIEDS

    Leia Mais
  • As mulheres negras e a importância das práticas mobilizatórias

    Leia o artigo de Pepê Silva, Analista de Projetos Sociais do CIEDS

    Leia Mais
  • Eduque Seu Olhar: uma ação de engajamento para prevenção a violências

    O programa, em seu primeiro ano, foi vencedor do Prêmio Ser Humano

    Leia Mais