Projetos em 2017

Para o CIEDS inclusão social e bem-estar significa possibilitar o acesso a direitos e a recursos, considerando elementos como a vulnerabilidade, a exclusão social, a violência, a pobreza e a ausência de dignidade como geradores de desigualdades.

Confira os projetos:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Unidade de Acolhimento e Reinserção Social: Stella Maris

    A Unidade de Acolhimento e Reinserção Social Stella Maris oferece serviço de abrigo provisório de pernoite para famílias em situação de vulnerabilidade social. As famílias são recebidas por uma infraestrutura com todas as condições de higiene, acessibilidade, salubridade, segurança e conforto necessários.

    Nesta cogestão, o CIEDS gere e capacita as equipes de atendimento e o suporte administrativo. Além disso, auxilia no desenvolvimento de Planos Individuais de Atendimento, objetivando a reinserção familiar e comunitária de quem é acolhido.

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Vizinhos do Bem

    A fim subsidiar ações de melhoria nas comunidades em vulnerabilidade social no bairro de Vila Lage da cidade de São Gonçalo (RJ) e formação profissional dos moradores, mapeou atores locais e os aproximou do Programa de Relacionamento Comunitário da MRV e SECONCI-Rio

    • Período: Fevereiro de 2017    Abril de 2017
    • Abrangência geográfica: Bairro de Vila Lage e Neves em São Gonçalo (RJ)
    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Cuidado Integral de Pessoas Convivendo com Transtornos Mentais no Instituto Nise da Silveira

    Oportuniza a inserção social para pessoas com transtornos mentais na perspectiva da autonomia e garantia de direitos aos usuários. Realiza ações com foco na geração de trabalho e renda, ações intersetoriais com a assistência social do município e acolhimento em residências terapêuticas.

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Cuidado Integral de Pessoas Convivendo com Transtornos Mentais no Instituto Juliano Moreira

    Oportuniza a inserção social para pessoas com transtornos mentais na perspectiva da autonomia e garantia de direitos aos usuários. Realiza ações com foco na geração de trabalho e renda, ações intersetoriais com a assistência social do município e acolhimento em residências terapêuticas.

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Redes de Atenção Psicossocial (RAPS)

    Assegura a reinserção social de pessoas convivendo com transtornos mentais correlacionando os serviços ofertados pelos Centros de Referência de Assistência Social - CRAS, Centros de Referência Especializada de Assistência Social - CREAS e Centros de Atenção Psicossocial - CAPS.

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Serviços Residenciais Terapêuticos

    Assegura o cuidado integral e a qualidade de vida de pessoas com transtornos mentais que não possuíam suporte social e laços familiares. Provê moradia em casas assistidas, visando sua reabilitação, inclusão sociofamiliar e bem-estar por meio do incentivo à autonomia progressiva.

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    I Juizado da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher

    O I Juizado da Violência Doméstica e Familiar oferece assistência social e proteção de direitos a mulheres vítimas de violência doméstica, além de crianças, adolescentes e jovens adultos em situação de risco ao implantar projetos e políticas sociais voltados para prevenção da violência intrafamiliar. O papel do CIEDS foi o de planejar e desenvolver ações alinhadas às demais políticas públicas oferecidas pelo município, como também auxiliar na proposição de estratégias que reduzam a impunidade.

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Atendimento a Famílias em Unidades de Reinserção Social

    Promove ações com as famílias (quando não existe rompimento de vínculos), interação com a rede de serviços e políticas intersetoriais, promoção da integração ao mercado de trabalho, realização de atividades e oficinas socioeducativas e ações de promoção da reinserção social e comunitária dos adultos e idosos atendidos.

    • Período: Agosto de 2012    Em andamento
    • Abrangência geográfica: Ilha do Governador na cidade do Rio de Janeiro (RJ)
    • Financiadores: Prefeitura do Rio de Janeiro
    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Unidades de Reabilitação e Reinserção de Pessoas com Deficiência

    Desenvolveu integralmente pessoas com deficiência matriculadas na rede pública municipal de ensino e ofertou apoio aos seus familiares. Os atendimentos abrangiam as seguintes especialidades: fisioterapia, fonoaudiologia, terapia ocupacional, musicoterapia e pedagogia, psicologia, esportes adaptados, teatro, música, dança e oficina de artes.

    • Período: Abril de 2012    Outubro de 2017
    • Abrangência geográfica: Bairros de Irajá e Santa Cruz na cidade do Rio de Janeiro (RJ)
    • Financiadores: Prefeitura do Rio de Janeiro

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Ações de Proteção Básica e Especial na 1ª CAS

    Garante o acesso às políticas públicas, à proteção social básica e especial de média complexidade, ao atendimento e ao acompanhamento de qualidade das pessoas usuárias da Política de Assistência Social que estejam em situação de risco ou de alta vulnerabilidade social na cidade do Rio de Janeiro.

    • Período: Fevereiro de 2012    Em andamento
    • Abrangência geográfica: Bairros de Benfica, Caju, Catumbi, Centro, Cidade Nova, Estácio, Gamboa, Mangueira, Paquetá, Rio Comprido, Santa Teresa, Santo Cristo, São Cristóvão, Saúde e Vasco da Gama da cidade do Rio de Janeiro (RJ)
    • Financiadores: Prefeitura do Rio de Janeiro
    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Rede Socioassistencial de Nilópolis

    Para promover o atendimento contínuo de crianças, adolescentes, adultos, idosos e famílias em situação de abandono, rompimento de vínculos familiares e/ou vivendo na rua, o CIEDS, num modelo de cogestão, apoia a promoção de ações e a inserção dos beneficiários aos serviços e atividades socioeducativas e produtivas no município. Numa construção conjunta, o trabalho se consolida a partir de fortalecimentos de vínculos familiares e comunitários dos usuários.

    A cogestão das ações e atividades da Rede Socioassistencial de Nilópolis abrange: Seis Centros de Referência da Assistência Social - CRAS, Um Centro de Referência Especializada da Assistência Social - CREAS, Duas unidades de acolhimento para crianças e adolescentes e Dois espaços de convivência para idosos.

    • Período: Setembro de 2011    Dezembro de 2017
    • Abrangência geográfica: Município de Nilópolis

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Matérias

    Atendimento de Adultos e Idosos em Unidades de Reinserção Social

    Oferece apoio, acolhimento, reinserção comunitária e familiar para adultos e idosos que necessitaram, por um período, do acolhimento na modalidade abrigo. Há encaminhamento para serviços e programas ofertados pela SMASDH e pela rede socioassistencial

    • Período: Abril de 2008    Em andamento
    • Abrangência geográfica: Bairros Alto da Boa Vista e São Cristóvão na cidade do Rio de Janeiro (RJ)
    • Financiadores: Prefeitura do Rio de Janeiro

    Como este projeto contribui para os ODS: