• O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Rede Pró-Aprendiz Rio

    O programa de aprendizagem da Rede Pró-Aprendiz Rio visa à construção da educação para o trabalho, permitindo o desenvolvimento das potencialidades inerentes ao jovem, fazendo com que ele possa refletir, aplicar e transformar os espaços ao seu redor.

    A formação alia teoria, prática e vivências socioculturais, enriquecendo o repertório dos participantes. O programa é voltado para jovens entre 14 e 24 anos com prioridade de atendimento para aqueles de famílias em situação de vulnerabilidade social.

    • Período: Abril de 2018     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Rio de Janeiro

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Eu Sou Kibon

    Programa de empreendedorismo social, que trabalha para que o mercado de sorvetes no Brasil cresça cada vez mais. O Eu Sou Kibon inicialmente com atuação em Recife e região, desenvolveu um modelo de negócio inclusivo, que oferece suporte e capacitação de novos empreendedores para o mercado de sorvetes (picolés), gerando a oportunidade de trabalho e renda.

    • Período: Janeiro de 2018     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Grande Recife
    • Financiadores: Unilever

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Semente

    O Semente é um projeto que oferece capacitação empreendedora e tem como objetivo identificar, promover e disseminar iniciativas de inovação e empreendedorismo social. O projeto também colabora para a geração de trabalho e renda, incentivando a cultura empreendedora.

    Para a realização da segunda turma, o CIEDS conta com financiamento da Fundação Arymax, parceria com o negócio social Empreende Aí e apoio da Fundação Julita.

    • Período: Setembro de 2017     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Município de São Paulo
    • Financiadores: Fundação Arymax

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Programa Jovem Monitor Cultural

    A proposta do Programa Jovem Monitor Cultural é que o/as jovens vivenciem, na prática, os diversos aspectos da gestão cultural. Além disso, a formação conta com uma perspectiva teórica sobre questões que envolvem a diversidade das juventudes e das manifestações culturais, assim como a participação e importância dos/as jovens nos processos de transformação social e política da nossa sociedade. 

    Hoje, 220 atuam em um dos 96 equipamentos públicos de cultura participantes do programa, espalhados pela cidade de São Paulo, como centros culturais, casas de cultura, teatros, bibliotecas e museus. O programa é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura (SMC) da Prefeitura de São Paulo e conta com a parceria do CIEDS.

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Pense Grande

    O Programa Pense Grande é uma iniciativa da Fundação Telefônica Vivo e objetiva difundir e fomentar uma cultura empreendedora em nosso país, sensibilizando, formando, apoiando e fortalecendo jovens empreendedores(as) e seus empreendimentos em diversos territórios pelo Brasil. O Programa amplia as possibilidades de futuro destes(as) jovens, a partir do desenvolvimento de empreendimentos sociais.

    O CIEDS é parceiro executor do Programa na articulação das oficinas de sensibilização nos territórios, junto à Secretarias Estaduais e Municipais de Educação, além de Organizações da Sociedade Civil com interesse em temáticas como juventude, protagonismo, projeto de vida, empreendedorismo entre outros. 

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Inova Escola

    A Frente de Formação Inova Escola é uma das ações do Programa Inova Escola, da Fundação Telefônica Vivo, e tem como objetivo inspirar escolas, em todas as regiões do território brasileiro, para a implementação de práticas inovadoras que potencializem a aprendizagem e o conhecimento. Essa ação impactou, em 2017, 6.000 educadores entre professores, gestores e técnicos educacionais. Visamos com isso contribuir para a formação de cidadãos socialmente participativos, críticos, integrados à comunidade local e solidários.

    O CIEDS é parceiro executor e responde pelas formações presenciais dos educadores nos territórios, junto às Secretarias Municipais e Estaduais de Educação. 

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Frente de Articulação

    O programa Frente de Articulação é uma iniciativa da Fundação Telefônica Vivo que visa promover a agenda de inovação educativa nas políticas públicas de educação, oportunizando formações presenciais e à distância para mais de 26 mil educadores, além de oficinas de sensibilização para 35 mil jovens.

    O CIEDS é parceiro do programa na articulação do portfólio de programas da Fundação Telefônica Vivo junto a Secretarias Municipais e Estaduais de Educação além de organizações da Sociedade Civil em todas as regiões do país.

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Juventude Empreendedora

    O projeto Juventude Empreendedora vem fazendo com que jovens que vivem em situação de vulnerabilidade social no Rio de Janeiro repensem seus projetos de vida.  A iniciativa do CIEDS e da Fundação Itaú Social aprimora competências empreendedoras e desenvolve a cultura colaborativa ao apresentar o empreendedorismo como uma alternativa de fonte de renda, mudança de vida e melhoria do território em que se está inserido.

    • Período: Janeiro de 2017     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Rio de Janeiro
    • Financiadores: Fundação Itaú Social

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Hospital Municipal Nise da Silveira

    O CIEDS realiza a cogestão do Hospital Municipal Nise da Silveira, onde promove ações socioassistenciais na perspectiva da autonomia e da garantia de direitos dos internos, pessoas com transtornos mentais. A cogestão foca na reinserção social e comunitária, uma vez que grande parte do público atendido está em situação de internação de longa permanência, com rompimento completo de vínculos familiares.

    Sempre que possível, os internos são transferidos para unidade de Residências Terapêuticas, casas que proporcionam um ambiente privilegiado para o resgate da cidadania e reconstrução da autonomia e da identidade.  

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Jovem Jornalista

    O projeto Jovem Jornalista tem como objetivo dar visibilidade às pautas positivas da cidade do Rio de Janeiro, por meio do olhar de jovens estudantes do ensino médio de escolas públicas moradores de territórios em vulnerabilidade social. 

    • Período: Julho de 2016     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Rio de Janeiro
    • Financiadores: Outdoor Social

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Hospital Municipal Juliano Moreira

    O CIEDS realiza a cogestão do Hospital Municipal Juliano Moreira, garantindo a implementação de ações socioassistenciais para públicos com transtornos mentais, em situação de internação de longa permanência e com rompimento completo de vínculos familiares.

    A cogestão apoia ações de acolhimento em residências terapêuticas, reinserção social e comunitária e geração de renda, na perspectiva da autonomia e garantia de direitos aos usuários. O projeto é focado no atendimento, defesa e garantia de direitos de usuários da Politica Nacional de Assistência Social. 

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Redes de Saúde Mental

    O CIEDS realiza a cogestão operacional e administrativa das quatro Redes de Atendimento Psicossocial (RAPS) do município do Rio de Janeiro.

    Juntas, elas formam a Rede de Saúde Mental, reunindo 18 diferentes frentes de atuação para atendimento gratuito a pessoas com transtornos mentais, dentre elas Centros de Atenção Psicossociais (CAPS), instituições psiquiátricas e os Serviços Residenciais Terapêuticos (SRT). A cogestão é focalizada no atendimento, defesa e garantia de direitos dos beneficiários da Politica Nacional de Assistência Social. As ações são criadas na perspectiva da autonomia e garantia de direitos dos usuários.

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Serviços Residenciais Terapêuticos

    Atualmente, a Saúde Mental tem colocado desafios como a ampliação e o fortalecimento de seus serviços, a revisão da rede extra-hospitalar e a definição de novas estratégias de acolhimento às pessoas que sofrem com transtornos psíquicos.

    Nesse cenário, o Serviços Residenciais Terapêuticos traz um novo formato de cuidado através do processo de desinstitucionalização de pacientes que há muito viviam em instituição psiquiátricas. O projeto propõe uma inclusão social e cidadã, bem como a autonomia e emancipação dos pacientes e de seus familiares, participando ativamente do processo de Reforma Psiquiátrica por meio de ações estratégicas comprometidas com as diretrizes do SUS e do bem público.

    • Período: Julho de 2015     Junho de 2019
    • Abrangência geográfica: Município do Rio de Janeiro

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Melhoria da Educação

    O Programa Melhoria da Educação proporciona formação continuada para formadores, gestores e professores de redes públicas de educação municipal e estadual, fomentando a constituição e o fortalecimento de redes de formação colaborativa entre pares. Utiliza-se de metodologia que privilegia o locus de trabalho como espaço de formação. Assim, as ações formativas ocorrem na perspectiva cíclica da relação prática-reflexão-prática, em prol da melhoria das aprendizagens dos estudantes.

    Essa é uma iniciativa da Fundação Itaú Social, em que o CIEDS faz a coordenação técnica das ações dos subprogramas: estadual no Espírito Santo e em Goiás, regional no Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins - ação em parceria com o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central - e municipal em Belo Horizonte (MG) e Manaus (AM).

    • Período: Janeiro de 2015     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Estado do Ceará e os municípios de Manaus/AM e Sobral/CE
    • Financiadores: Fundação Itaú Social

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    CBVE

    O CIEDS é responsável pela Secretaria Executiva do CBVE - Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial, rede de empresas, institutos e fundações empresariais que desenvolvem ou pretendem desenvolver programas de voluntariado empresarial. 

    Com o objetivo de fortalecer essa rede, o CIEDS é responsável pelo monitoramento e sistematização de suas ações, além da promoção da prática do voluntariado empresarial como ferramenta para o exercício pleno da cidadania, desenvolvimento pessoal e senso de coletividade, visando gerar valor compartilhado e prosperidade.

    • Período: Janeiro de 2015     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Brasil

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Redes de Territórios Educativos

    Como experiência piloto, o programa Redes de Educação Integral iniciou suas ações em 2015 nos municípios de São Luís (MA) e Várzea Grande (MT), com o principal propósito de fomentar ações em rede entre organizações sociais, fortalecendo sua atuação no atendimento à criança e ao adolescente. Em 2018, inicia articulação com os mesmos objetivos em dois novos territórios: Aquiraz (CE) e Cuiabá (MT). 

    Aproxima essas organizações sociais das escolas, equipamentos de assistência social, saúde, cultura e esporte. É criada, assim, uma ação articulada visando a construção de Territórios Educativos, que diversifica suas vivências e ambientes de aprendizagens com foco no seu desenvolvimento integral - físico, psicológico e social.

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Shell Iniciativa Empreendedora

    O Shell Iniciativa Empreendedora é um programa de performance social que oferece gratuitamente formação, suporte e estímulo a redes de relacionamentos sustentáveis, para que empreendedores desenvolvam seus próprios negócios nas regiões de abrangência do projeto.

    O projeto consiste em aulas presenciais de elaboração de planos de negócio, marketing, gestão de pessoas, legislação para pequenos empreendimentos, além de assessoria técnica especializada que permita a potencialização do empreendimento.

    • Período: Janeiro de 2013     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Norte fluminense e sul capixaba - Polos Macaé (RJ) e Vila Velha (ES)
    • Financiadores: Shell

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Shell Iniciativa Jovem

    O Iniciativa Jovem é a versão brasileira do programa Shell LiveWire, uma iniciativa internacional do Grupo Shell presente em 15 países. Atualmente, é executado pelo CIEDS Brasil. O Programa de investimento social, oferece capacitação empreendedora, suporte e estímulo a redes de relacionamentos sustentáveis para que jovens de 20 a 34 anos desenvolvam seus próprios negócios.

    O principal objetivo do programa é promover o empreendedorismo de forma sustentável, através da formação de jovens empreendedores bem-sucedidos e empreendimentos socialmente responsáveis, ambientalmente corretos e financeiramente estáveis, colaborando para geração de trabalho e renda e incentivando a cultura empreendedora.

    • Período: Agosto de 2009     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Rio de Janeiro e municípios próximos
    • Financiadores: Shell

    Como este projeto contribui para os ODS:

    • O Projeto
    • Dados do Projeto
    • Links Relacionados

    Centro Cultural Maloca dos Brilhante (CCMB)

    Criado em 2007, o Centro Cultural Maloca dos Brilhante (CCMB), localizado no município de Pacajus, no Ceará, é um espaço aberto que oferece a jovens, adultos e crianças acesso à arte e à cultura, além de oportunidades de formação e aprendizado.

    O CCMB abre suas portas para grupos e pessoas interessadas em utilizar o espaço de forma colaborativa e abriga, atualmente, a sede do CIEDS no Ceará, fortalecendo a ação institucional no Nordeste e levando para a região metodologias e tecnologias sociais que norteiam o trabalho da instituição.

    • Período: Março de 2007     Em andamento
    • Abrangência geográfica: Pacajus, Ceará

    Como este projeto contribui para os ODS: