Secretaria da Juventude do Rio abre vagas para laboratório de inovação

14/01/2022

Jovens entre 15 e 29 anos podem se candidatar a uma das 75 vagas.

Com bolsas de R$ 450, Secretaria da Juventude do Rio abre 75 vagas para laboratório voltado a jovens que queiram se engajar politicamente

Começa neste sábado (15/01) as inscrições para o processo seletivo de jovens de 15 a 29 anos que queiram participar do Laboratório de Inovação para Mediação Sociopolítica (Lab.JUV-RIO) da Secretaria Especial da Juventude Carioca (JUVRio), com bolsa permanência de R$ 450 por seis meses. Ancorado no programa Geração Transformadora, lançado em agosto de 2021, o Lab.JUV-Rio tem como objetivo romper com a exclusão social a partir de metodologias e estratégias eficazes de mediação sociopolítica para que os jovens cariocas possam pensar questões globais e locais a partir de suas realidades. A partir dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), essa ação será executada em parceria com o Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável (Cieds). 

Na primeira edição, que começa em 7 março, serão oferecidas 75 vagas para jovens que queiram discutir “A cidade que queremos”. Os encontros, que acontecerão sempre aos sábados, no período da manhã,  englobarão o debate da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), trazendo a experiência da juventude e de seus territórios da cidade para, de maneira inclusiva, construir um futuro saudável, sustentável e menos desigual, a partir da proposição de implementação de políticas públicas. A meta é que 600 jovens participem do Lab.JUV-RIO até 2024. 

Os encontros acontecerão de forma híbrida, isto é, de forma presencial e on-line, e as vagas contemplarão os seguintes bairros e regiões: Centro (4), Zona Sul (4), Tijuca (4), Ramos (5), Méier (5), Madureira (5), Inhaúma (5), Penha (5), Pavuna (5), Ilha do Governador (4), Jacarepaguá (5), Barra da Tijuca (4), Bangu (5), Campo Grande (5), Santa Cruz (5), Guaratiba (5). As entrevistas ocorrerão entre os dias 21 e 25 de fevereiro e os resultados serão divulgados no dia 2 de março.

Para selecionar os jovens que participarão dessa experiência serão analisados o grau de comprometimento demonstrado nas respostas ao formulário de inscrição e nas entrevistas, respeitando o público alvo de moradores da cidade do Rio de Janeiro. Das vagas, 20% são reservadas a negros e índios e 5% para pessoas com deficiência (PCD), conforme o disposto nas leis municipais 5.695/2014, 645/1984, 2.111/1994, 4.950/2008, 6.132/2017 e no decreto municipal 5.890/1986. Os jovens aprovados nas fases de inscrição e entrevista que forem menores de 18 anos deverão apresentar autorização do responsável para ter a matrícula efetivada no projeto. 

A bolsa auxílio oferecida aos jovens no valor de R$ 450 terá como objetivo custear a permanência dos alunos no projeto. Para garantir a vaga será dever dos jovens ter o mínimo de 75% de frequência e entregar todas as atividades propostas.

As inscrições para a primeira turma do Lab.JUV-RIO podem ser realizadas até o dia 15 de fevereiro, por meio do link: https://abre.ai/inscricao-bolsistas-labjuvrio.

Confira aqui o edital completo do Lab.JUV-Rio! 

 

Texto por: Comunicação

Últimas notícias

  • CIEDS firma parceria para fazer ODS chegarem a mais pessoas no Brasil

    #MudeANarrativa: somos representantes da #FlipTheScript da ONU no país

    Leia Mais
  • Confira os negócios selecionados do Bioma, aceleradora do CIEDS no Rio

    Ação em parceria com SEBRAE atende moradores do Morro da Providência

    Leia Mais
  • ODS 17 da ONU é transversal e estruturante para o CIEDS

    Realizamos consultorias e diagnósticos, por meio do diálogo social

    Leia Mais