Programa Jovem Monitor/a Cultural realiza Encontrão online

08/11/2021

CIEDS e Secretaria Municipal de Cultura-SP: execução é compartilhada

O PJMC (Programa Jovem Monitor/a Cultural), política pública de cultura da SMC-SP (Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de São Paulo) executada em parceria com o CIEDS, realizou um Encontrão para celebrar o fim da edição 2020/2021, marcada pelos desafios em função da pandemia de Covid-19, e o início do próximo ciclo. O evento online, realizado na última semana com transmissão ao vivo pelo YouTube, contou com a participação de jovens e ex-jovens monitores/as culturais, coordenadores, gestores, formadores e artistas, que fizeram apresentações ao vivo. Independente da modalidade ou da região, eles se reuniram para celebrar e compartilhar suas aprendizagens e conquistas ao final do ciclo formativo.

A programação começou às 14h, com a abertura dos mestres de cerimônia Thaline e Vitor Martins (CIEDS/SMC), seguido por uma fala do Coordenador Geral da Supervisão de Formação Cultural, Pedro Granato. Na sequência, teve contribuições da coordenadora da Biblioteca Raul Bopp, Charlene Kathlen de Lemos, e da coordenadora do Centro de Referência da Dança (CRD), Sulla Andreato, seguidas pelo formador Renato Almeida.

Falaram também os coordenadores da Casa de Cultura do Campo Limpo, Fernanda Péis; da Biblioteca Monteiro Lobato, Marta Nosé Ferreira; da Casa de Cultura Tremembé, Nilson Luiz da Silva Martins (DJ Rizada); e do Centro Cultural Flávio Império, Edson Paulo Souza.

As atrações culturais ficaram por conta dos shows de Lunna Black, no meio do Encontrão, e de Danuza Novaes, no encerramento. Participaram ainda os jovens monitores/as Drico (Adriano Freitas), da Casa de Cultura Vila Guilherme; Guilherme Andrade, da Biblioteca Mario de Andrade; e Helena Pandora, do Centro Cultural Grajaú; além das formadoras Elânia Francisca e Ciça Pereira.

A programação contou ainda com uma fala inspiradora de Marcia Marci (ex-agente da Zona Sul e ex-jovem monitora do Centro Cultural Grajaú), que trouxe um trecho do conto "O Mundo", de Eduardo Galeano, que diz: "Cada pessoa brilha com luz própria entre todas as outras. Não existem duas fogueiras iguais. Existem fogueiras grandes e fogueiras pequenas e fogueiras de todas as cores. Existe gente de fogo sereno, que nem percebe o vento, e gente de fogo louco, que enche o ar de chispas. Alguns fogos, fogos bobos, não alumiam nem queimam; mas outros incendeiam a vida com tamanha vontade que é impossível olhar para eles sem pestanejar, e quem chegar perto pega fogo."

"Quem finaliza essa edição está começando uma grande jornada. Todo mundo aqui aprende muito, eu aprendi muito. Parabéns a todos que chegaram até aqui e para quem continua. Bem-vindos(as) a essa nova etapa. Só a luta muda a vida.", completou Marcia.

Sobre o Programa Jovem Monitor/a Cultural

O Programa Jovem Monitor/a Cultural é uma política pública que inova ao promover uma formação combinada em que as/os jovens ampliam seu repertório e experimentam, na prática, os diversos aspectos da gestão cultural. A Lei 14.968/09, posteriormente regulamentada pelo Decreto 51.121/09, cria regras e procedimentos do programa. O CIEDS está à frente do programa com execução compartilhada com a Secretaria Municipal de Cultural de São Paulo desde 2017 e já foi selecionado para seguir também na próxima edição.

Voltado para o desenvolvimento artístico e atendimento ao público, o PJMC começou em 2008, na cidade de São Paulo, focado na formação de jovens de 18 a 29 anos para atuação em equipamentos e departamentos culturais. A partir de 2013, o programa passou a ser executado por meio de convênio e expandiu para outros espaços culturais, como teatros, bibliotecas, casas de cultura, museus e centros culturais. Jovens de todas as regiões de São Paulo, do centro às periferias, passam a interagir em equipamentos da Prefeitura. 

Clique aqui para assistir ao Encontrão completo.

Texto por: Bruna Santamarina

Últimas notícias

  • Últimos dias para se inscrever no Juventude Empreendedora

    Programa de empreendedorismo chega a São João da Barra e região, no RJ

    Leia Mais
  • Mulheres empreendedoras mexem no lugar mais estrutural da sociedade

    Leia o artigo da Diretora de Novos Negócios e Inovação, Rosane Santiago

    Leia Mais
  • Jornada Prosperidade 360º do CIEDS ganha Prêmio Ser Humano 2021

    Iniciativa da Diretoria de Gente e Cultura foi fundamental na pandemia

    Leia Mais