Educa Nilópolis investe na educação integral no período de aulas e férias

16/07/2012

Colônia de Férias do projeto Educa Nilópolis atenderá 600 alunos da rede municipal de ensino de Nilópolis. As atividades começam hoje, dia 16 de julho.

Ao longo de duas semanas - de 16 a 27 de julho - 600 crianças das 22 escolas que o projeto Educa Nilópolis atende irão participar de atividades extracurriculares de cultura esporte e lazer, como oficinas de percussão, contação de história, oficinas de brinquedo, jogos populares, entre outros.

A Colônia de Férias, que atenderá 300 alunos em cada um dos turnos – manhã e tarde- terá núcleo em três escolas: Escola Municipal Consuelo Estruc Silva, Ciep 136 - Novo Horizonte e Cemei Anis Abraao David. Os oficineiros que conduzirão as atividades são fruto das parcerias firmadas pelo projeto Educa Nilópolis e a Secretaria Municipal da Educação de Nilópolis - SEMED Nilópolis irá colaborar com a ação, cendendo o meio transporte que levará os estudantes até os locais da Colônia.

A idéia é facilitar ao máximo a ida dessas crianças à atividade e proporcionar momentos de aprendizado e lazer durante o recesso escolar. A Colônia de Férias tem o intuito de oferecer um espaço diferenciado daquele vivenciado pelos estudantes no cotidiano, apresentar à família e às crianças novos modos de aprendizagem e possibilitar uma alternativa aos pais que trabalham e não têm com quem deixar os filhos.

Para Valrei Lima, coordenador geral do projeto, “a grande importância de ações como essa são o investimento na educação integral do aluno, para além da educação formal da sala de aula e a possibilidade de atividades multidisciplinares, que buscam construir a autonomia e cidadania dessas crianças e jovens”.

O Projeto Educa Nilópolis, da SEMED Nilópolis com o CIEDS, visa qualificar e dinamizar a rede municipal de ensino em um processo de valorização da escola pública, ampliando as oportunidades de aprendizagem, melhoria da ambiência escolar, gestão de parcerias, incentivo ao letramento e valorização da cultura local.

Autor: Marina Rotenberg