Craque do Amanhã formando cidadãos

13/06/2014

O estudante João Vitor diz que ao entrar para o projeto teve uma grande melhora no comportamento.

O CIEDS, ao firmar parcerias potenciais com UNICEF, FIFA Football For Hope, Criança Esperança,dentre outros, por meio do Craque do Amanhã, este ano realizou o sonho de João Victor Mendes e mais dez meninos que fazem parte do projeto. O time do Craque do Amanhã entrou em campo na Granja Comary e conheceu de perto a seleção brasileira, tiraram fotos e bateram papo com os jogadores e comissão técnica.

O estudante João Victor Mendes, de 13 anos, está no projeto Craque do Amanhã há dois anos e tem o sonho de se tornar um goleiro, reconhecido Brasil a fora.  Segundo o menino, com o apoio do projeto, ele pôde realizar o sonho de ficar cara a cara com o goleiro Júlio Cesar da seleção,  e se espelhar no ídolo para fazer grandes defesas.

Para o estudante, o Craque do Amanhã é importante para as crianças e jovens do bairro do Arsenal,  local onde o projeto atua, que precisam ocupar  o tempo praticando esportes e atividades que possam trazer crescimento pessoal.  João diz que o projeto o ajudou a melhorar o relacionamento em casa com a família, e na escola, destacando que respeito e humildade são a base para uma boa convivência.

CIEDS: O que você acha do projeto Craque do Amanhã?

João:  Acho ótimo. Deveriam ter mais projetos assim em outros bairros, pois aqui além de jogar futebol, a gente aprende a respeitar o próximo, visita vários lugares diferentes, conhece jogadores e nos ajudar a ficar menos bagunceiros.

CIEDS: O que mudou no seu comportamento após entrar para o projeto?

João:  Melhorei minhas notas na escola, pois para continuar no projeto tem que tirar notas boas e ter um bom comportamento. Em casa estou ajudando minha mãe a fazer os serviços de casa e a cuidar dos meus irmãos e estou obedecendo mais a ela.

CIEDS: O que sentiu ao chegar na Granja Comary  e poder ver de perto a seleção brasileira?

João: Fiquei muito feliz.  Tirei muitas fotos e o Felipão e o Parreira conversaram bastante com a  gente. Quando o Daniel Alves entregou a bola oficial da Copa do Mundo na minha mão eu nem acreditei e fiquei muito emocionado.

CIEDS: Qual o seu maior sonho?

João: Meu maior sonho é ser goleiro, mas nem por isso vou parar de estudar. Quero ter uma profissão, pois caso a carreira como goleiro não dê certo, eu vou ter uma profissão garantida. Isso a gente aprende também no Craque do Amanhã.

CIEDS: O que aprendeu de mais importante no Craque do Amanhã?

João: O mais importante que aprendi com o projeto foi a respeitar o próximo e obedecer os mais velhos. O mais legal é que as pessoas perceberam a minha mudança.

Texto por: Ana Paula Santana

Últimas notícias

  • CIEDS retoma programação de Encontros Formativos em Educação

    Exclusão Escolar foi o tema do primeiro evento

    Leia Mais
  • Conecta+ Brasil abre inscrições nacionais gratuitas

    Projeto vai capacitar empreendedores no WhatsApp Business

    Leia Mais
  • Ensaio fotográfico e pesquisa dão visibilidade a catadores de Pacajus

    Iniciativa é do CIEDS do lado do Instituto Malwee e Reino Evangelizar

    Leia Mais